Dieta do ovo

by

Ele passou décadas com a fama de bandido. Mas foi absolvido e mostrou que é um alimento poderoso até para quem quer perder peso. Sabe por quê? Quando você inclui ovo com freqüência no cardápio:

– Fica menos faminta
– Demora mais para voltar a ter fome
– Não perde massa magra (só gordura!)
– Estica a juventude e alimenta a memória

Pochê, cozido, mexido. O ovo é um alimento versátil, barato, nutritivo e, olha só, aliado da dieta. Essa ótima notícia foi confirmada por mais de um estudo de diferentes países. Um deles, feito na Wane State University, em Michigan (EUA), mostrou que enriquecer o caféda- manhã com o ovo deixa você com menos fome nas próximas refeições. Com isso, tende a consumir menos calorias até o fim do dia – e emagrece! Interessada?

Por que funciona?

“O ovo é fonte de proteína completa, ou seja, tem todos os aminoácidos essenciais – uma estrutura complexa, que exige uma digestão lenta. Daí seu poder de saciar mais rápido e evitar que a fome volte logo”, conta a nutricionista Viviane Voght, da Clínica Equilíbrio Alimentar, em Monte Negro (RS). Que parte comer: clara ou gema? As duas. Por ser rica em gorduras boas (monoinsaturada e ômega-3), a gema ajuda a manter os níveis de açúcar no sangue mais equilibrados, diminuindo os ataques de gula. Já a clara contém leucina, um aminoácido que aparece em quantidade importante na ovoalbumina, a proteína da clara. Por isso, evita a perda de massa magra. A leucina é um dos ingredientes do famoso suplemento nutricional BCAA (em inglês, abreviação de aminoácidos de cadeia ramificada). Ele é usado pelos esportistas antes e depois dos exercícios para reduzir a perda de massa magra. Essa substância também aparece na gema numa dose menor. Quer dizer que o ovo inteiro permite você emagrecer sem ficar flácida.

Ok, a pergunta que não quer calar: o ovo não aumenta o colesterol? As novas pesquisas reuniram provas para absolvê-lo da acusação de vilão do coração. “Ficou comprovado que não existe relação entre o colesterol presente no ovo, mais especificamente na gema, e o aumento das taxas de gordura nociva no organismo”, defende Viviane. Mas vá devagar. Segundo a nutricionista Maria Cecília Corsi, da Clínica Essencial Light, em São Paulo, um ovo por dia está de bom tamanho. Na dieta a seguir, Cecília sugere três maneiras diferentes de colocá-lo no café-da-manhã. Mas você pode até fritá-lo na frigideira antiaderente. Só não vale mergulhar o ovo no óleo!


As vitaminas da gema:

Essa já foi a parte do ovo mais temida. Mas, assim que perdeu a fama de vilã, ganhou o status de funcional. “A gema tem vários antioxidantes (vitaminas A e E, zinco, ferro, selênio e vanádio), substâncias com o poder de combater o envelhecimento das células”, diz a nutricionista Viviane Voght, que há seis anos pesquisa os benefícios desse alimento. O ovo ainda carrega a colina, um nutriente que protege a memória.
1 ovo por dia, até 2 quilos a menos em uma semana

A gente sabe que, no Brasil, o ovo é mais consumido na hora do almoço. Mas vamos propor uma mudança, seguindo a orientação do estudo americano: inclua ovo todos os dias no café-da-manhã para controlar a sua fome desde cedo. Monte seu cardápio escolhendo uma opção de café-da-manhã, uma de lanche da manhã, uma de almoço, uma de lanche da tarde e uma de jantar. Você pode repetir as suas escolhas nos outros dias.

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: